Anúncio

Projeto infantil é criado e se torna novo entretenimento virtual dinâmico

por Larissa Castro

Publicado em 16 de outubro de 2020 às 20:35
Atualizado em 16 de outubro de 2020 às 20:36
Anúncio

Se a regra da pandemia é ficar em casa, um time de artistas de Guarapari faz valer à pena cada minuto do isolamento social para crianças. Impedidos de praticarem a produção de eventos infantis, que estavam habituados a fazerem há 10 anos, a equipe ‘A Mala Produções’ se reinventou e criou o ‘Projeto Taruíra’, lançado oficialmente no dia 12 de outubro. Agora, o novo trabalho possui planos de expansão para 2021 e já agrega ao entretenimento e educação de meninas e meninos de 0 a 6 anos.

Gab, Let, Rit e Mica: esses são os apelidos que passam a levar muita diversão e conhecimento às crianças do mundo todo. Ainda em formato virtual, os produtores de eventos infantis e culturais criaram na pandemia um novo jeito de diversão.

Gab, Let, Rit e Mica.

“Ficamos sete meses sem trabalhar e tínhamos a necessidade de fazer um trabalho relevante e próximo ao que a gente fazia. Então organizamos tudo através de reunião on-line e concluímos que seria algo com propósito. A proposta é 100% nova: nome, cara e a tentativa de criar música infantil com a nossa cara, coisa que a gente gosta; para dançar, brincar, e tudo autoral”, explica a idealizadora Gabriella Kruger.

O grupo que conta com seis pessoas, incluindo equipe artística, musical e designer, chega para ficar. Com anseios para o próximo ano, eles planejam conteúdos que irão servir além da pandemia.

Tata é a mascote do projeto e entretém a criançada.

“Entendemos que este não é o momento para o presencial, mas sim para a gente planejar. A ideia é fazer show presencial a partir de março de 2021, quando as aulas regulares voltarem. Até lá, vamos produzir de casa, apenas conteúdo para internet.O propósito é fazer música para dançar, mas são músicas de brincadeira. Tudo é pensado para que as crianças possam manter uma brincadeira, com o menor contato físico possível, sem que elas percebam isso”, relata Gabriella.

Com uma música lançada para estrear o projeto, todo trabalho que conta com uma mascote para entreter as crianças, nomeada de ‘Tata’, é divulgado através das redes sociais. “O projeto está estruturado no Instagram, e lá tem toda divulgação. No instagram @projetotaruira terá a lojinha nas próximas semanas, que vamos vender produtos relacionados a identidade visual, com a nossa mascote, que é a Tata. No Youtube, além das músicas e dos clipes, teremos histórias, brincadeiras, artesanato, oficina, curiosidades científicas, então serão vários quadros com abordagens diferentes. Nossas publicações serão quinzenais. A próxima terá o tema de Halloween, com uma pisadinha da Bahia”, antecipa a integrante do projeto”, reforça.

A ideia do nome “Projeto Taruíra”

Tata será transformada em produtos que serão vendidos pelo Instagram.

Com a criatividade em alta e apaixonados por tudo o que envolve o Espírito Santo, os integrantes do Projeto Taruíra honraram os capixabas com a escolha do nome, além de assimilar ao atual momento enfrentado por todos. “A taruíra é um bichinho que não sai de casa, é muito boazinha; come insetos, baratas, aranha, então ela cuida da casa, em relação aos bichos que são mais nocivos para nós e fica sempre no cantinho dela, sem fazer mal nenhum para nós. Além do termo ‘Taruíra’ ser capixaba”, explica Gabriella.

Primeira música lançada

A primeira música foi lançada no Dia das Crianças, pois segundo o grupo, o momento escolhido pode dar sorte. E a melodia caiu no gosto de muita gente. “Estamos com um retorno muito legal, pois crianças mais velhas também estão gostando da primeira música lançada, a ‘Suco de Meleca’. É um rock hard core, então se amarram. e os adultos também; amarradões. Recebemos vídeos deles ouvindo com frequência, pois é uma música chiclete”, comemora Gabriella, a Gab.

Confira a prévia da primeira música do projeto:

Ficha Técnica:

  • Letra: Gabriela Krüger, Leticia Krüger e Diego Biazatti.
  • Direção e Edição Musical: Diego Biazatti.
  • Vozes: Gabriela Krüger, Leticia Krüger, Micaele Galvão e Ritchelly Neves.
  • Direção e Edição de vídeo: Leticia Krüger.
  • Ilustração (Tata): Alice Krüger.
  • Dublagem (Tata): Leticia Krüger.
  • Crianças: Alice Krüger, Morgana Krüger e Sophia Galvão.
Anúncio

Veja também

Ailana Vilela_capa

Antes do retorno, Samarco implanta o “Força Local”

azul-conecta-voo

Voos diretos para Guarapari

Anúncio
negros

Novembro Negro: conheça algumas expressões racistas e seus significados

socorro quero bolo (1)

Venda de bolos liberta mulher da depressão

Fábio Novaes Sicoob

O que é e o que muda com Pix

galeto_assado

Galeto Assado com Ervas e Limão Siciliano