Anúncio

Elas dominando (também) o mercado imobiliário

por Carolina Brasil

Publicado em 10 de novembro de 2023 às 11:15 / Atualizado em 10 de novembro de 2023 às 11:20
Fotos: Renan Alves

Fato. As mulheres já conquistaram muitos direitos, inúmeros espaços e reconhecimento. Ainda há um longo caminho pela frente, ao mesmo tempo que também já é possível destacá-las em vários segmentos profissionais antes restritos ou dominados pelos homens.

Em pauta, nesta edição, o mercado imobiliário, mais precisamente a corretagem de imóveis. Historicamente, uma área que sempre foi predominantemente ocupada por homens, ao longo dos anos, apresentou um aumento gradual da participação das mulheres, chegando a 144%. Segundo dados do Conselho Federal e do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Cofeci-Creci), as corretoras de imóveis já contabilizam 43% dos profissionais atuantes no mercado imobiliário.

Guarapari seguiu esse crescimento e, atualmente, de acordo com informações do Creci-ES, as mulheres são mais de 30%. “O destaque a elas é merecido, dentro e fora do conselho. E no mercado imobiliário, não poderia ser diferente”, enaltece Aurélio Cápua Dallapicula, presidente do Creci-ES e Conselheiro Federal.

Três corretoras são exemplos desse cenário onde elas têm ocupado lugares expressivos e alcançado os próprios sucessos. Bruna Catle, Histeyssy Lopes e Nágela Corradi abrilhantam a nossa capa e contam um pouco das respectivas trajetórias como corretoras de imóveis orgulhosas e gratas pelo desempenho que têm obtido em uma cidade que é referência na Construção Civil.

Corretora e empreendedora

Ela respira o mercado imobiliário há muito anos, começou ainda jovem na área administrativa, passou por diversos setores do segmento, se tornou corretora e agora tem a própria empresa do ramo em sociedade com o marido e também corretor de imóveis Paulo André da Silva Moura. Essa é a Histeyssy Lopes, que responde pela gerência de vendas da imobiliária que leva o nome dela.

Há quatro anos como corretora de imóveis em uma imobiliária, Histeyssy começou 2023 abrindo as portas do próprio negócio. Em poucos meses, conseguiu obter o mesmo resultado de vendas que fez no ano anterior. “Nosso foco é o imóvel de lançamento e na revenda de unidades de alto padrão. Estamos trabalhando para manter a cartela de clientes conquistada ao longo dos anos e também as recentes e excelentes performances que tivemos entre as construtoras da região”, pontua.

A Histeyssy Lopes Corretora tem Paulo André à frente do setor administrativo, e uma equipe de três corretores: Diego Andres, Lucas Sabadim e Selma Farias, que somam muita experiência de mercado. “Nosso foco é que o cliente seja a estrela, entendendo as necessidades e servindo para que a jornada de compra seja a mais leve possível. Unimos forças e habilidades para o nosso melhor em busca da satisfação do cliente”, afirma Histeyssy

Destacando o papel e as conquistas femininas ao longo dos anos, a Histeyssy profissional ressalta: “eu acredito que a mulher veio para humanizar a corretagem, o momento é de carência de atenção e é preciso estabelecer uma relação de empatia e respeito, elementos naturais para nós. Além disso, ao longo do tempo, as mulheres passaram a ter mais poder de decisão na compra do imóvel, inclusive por participar mais ativamente da renda familiar; a mulher ganhou importância fundamental dos dois lados.”

Histeyysy Lopes Corretora

Instagram: @histeyssycorretora

WhatsApp: (27) 99775-0909

Paixão por vendas

O segmento de vendas é o forte da corretora Bruna Catle que, em 2012, obteve o Creci para trabalhar no mercado imobiliário. Sempre atuando como autônoma, há sete anos ela migrou do ramo de semijoias para o de imóveis, e de onde não pretende mais sair.

Hoje, para Bruna, a profissão de corretora de imóveis e integrante da equipe Lopes Itamar está consolidada, mas não foi tão simples. “No início, ainda me dividia entre a corretagem e as semijoias, mas logo decidi pela venda de imóveis. Antes, cheguei a recusar dois convites da empresa (Itamar), mas na terceira abracei a oportunidade e estou muito satisfeita com meus resultados, como meu desenvolvimento durante esses sete anos. Não havia imaginado estar onde estou hoje.”

A corretora de imóveis destaca que tem orgulho de fazer parte de uma empresa conceituada, com uma equipe entrosada e que se difere do cenário geral. Segundo ela, 80% do time de corretores é formado por mulheres, e que tal característica tem resultados práticos. “A mulher contribui muito quando se insere em qualquer área; especialmente no mercado de imóveis, o cuidado e o zelo dão toques diferenciados ao trabalho”, completa.

Oscilações do mercado, a velocidade das mudanças e o constante aprendizado são desafios e motivações para Bruna que também se identifica com a corretagem pela ausência de rotina e dinâmica do dia a dia. Para ela, a qualidade do atendimento é o que não pode variar. “Acredito que a qualidade começa desde o primeiro contato. Independentemente do canal de comunicação, é muito importante dedicar toda atenção a cada cliente e investir em conhecimento. Uma característica importante do corretor é o atendimento humanizado, principalmente nesse mercado pós-pandemia. Eu percebi que o imóvel ganhou ainda mais importância, fazendo com que o corretor tenha uma função muito importante para a realização dos sonhos e dos investimentos.”

Bruna Catle

Instagram: @brunacatlecorretora

WhatsApp: (27) 99729-6026

DNA de corretora

Já são 15 anos como corretora de imóveis. Desses, dedicou uma década em uma imobiliária da região até decidir empreender no ramo de forma independente. Isso aconteceu durante a recente pandemia por Covid-19, agora, Nágela Corradi acaba de completar dois anos em um escritório próprio.

Nágela conta que se tornar corretora de imóveis foi fruto do conselho da mãe, e ela, sabendo que esse é um tipo de orientação que não se recusa, acabou se descobrindo. “Minha mãe alugava casas no verão, e sempre me sugeria para retirar o Creci e ser corretora. Fiz e descobri que a corretagem estava em meu DNA, me apaixonei pela área.”

Ela ressalta que não se vê fazendo outra coisa, mas conhece e vive os desafios da profissão. “Não é fácil, somos autônomos; é um segmento concorrido, precisamos estudar, conhecer bem o mercado e o produto, se aperfeiçoar e estar atentos aos lançamentos e oportunidades. Tudo isso focado em entender o que o cliente quer e precisa com a expertise em direcionar para o imóvel certo. Lidamos com sonhos, por exemplo, o sonho de morar em Guarapari ou de adquirir um imóvel novo com recursos que se juntou durante anos”, completa.

Nágela reconhece ainda que a mulher, assim como em outras áreas, tem muitos diferenciais e colabora no desenvolvimento da corretagem. “Sempre foi uma profissão com mais homens, mas a inserção das mulheres deu nova roupagem, de maior cuidado, de um perfil mais colaborativo.”

Os adjetivos que Nágela aponta são evidentes no trabalho que ela mesma desenvolve, tanto que, neste ano, ela teve o nome destacado entre as dez imobiliárias que mais realizaram vendas em uma campanha feita por uma das maiores construtoras de Guarapari. “Tenho gratidão em ter grande parte dos meus clientes vindos por indicação. Isso é reflexo de um atendimento diferenciado e completo. Não é somente a venda, mas também apoio e suporte em questões que envolvem o imóvel como indicação de prestadores de serviço, tratativa com cartórios ou concessionárias de serviços públicos, por exemplo; eu gosto de acompanhar e acolher o meu cliente em tudo que está ao meu alcance”, finaliza.

Nágela Corradi

Instagram: @nagelacorradi

WhatsApp: (27) 98885-8386

Veja também

foto-1-1

Sob nova direção, Cheirin Bão é o sabor mineiro na cidade

20240412_163652-1

Roupas como novas com os serviços da LavExpress

20240419_164559338_iOS

Desvendando o futuro da Odontologia: o poder da digitalização

IMG_0795

Está chegando a hora! Faltam três dias para o Baile da Sou

traballhar-em-destaque

Enxergar e se reconhecer: Óticas Sara chegam com estilo e qualidade a Guarapari

USAR-ESTA-FOTO

A nutri te ensina: Mamãe em forma – é possível recuperar a boa forma após o parto?