Anúncio

Como a medicina regenerativa atua na ortopedia

por Pedro Henrique Oliveira

Publicado em 2 de janeiro de 2024 às 14:13 / Atualizado em 2 de janeiro de 2024 às 14:13
Anúncio

Você conhece a Medicina Regenerativa? É uma área médica que se baseia na regeneração celular de tecidos e auxilia na recuperação de desgastes e dores nas articulações. A técnica é uma das especialidades oferecidas na clínica Freire Vieira Medicina e Odontologia com o médico ortopedista especializado em traumatologia e cirurgia de joelho, Dr. Eduardo Vieira, que atua na área há 27 anos.

Na prática, a medicina regenerativa atua como um método substituto ou de recuperação de diferentes tecidos do corpo, e é ideal no auxílio da reconstrução de desgastes causados por doenças como a artrose ou lesões, por exemplo. O procedimento é realizado através do uso de ortobiológicos, que são substâncias ricas em células produzidas pelo próprio corpo humano.

“Na medicina regenerativa pode-se utilizar ortobiológicos, como plasma rico em plaquetas e fibrinas, células-tronco, o que ajuda na regeneração tecidual e articular e dores miofaciais. Além deles, pode ser usado também, o ácido hialurônico, a proloterapia”, explica Dr. Eduardo.

Comumente recomendada para pacientes que sofrem com dores crônicas devido à osteoartrites e lesões músculo esqueléticas em esportistas, a medicina regenerativa repõe substâncias importantes para recuperar o funcionamento nas partes afetadas.

“Nossas articulações têm ácido hialurônico, por exemplo, que com o passar do tempo perde o peso molecular. O objetivo da aplicação do ácido é melhorar a lubrificação e função articular, fazendo com que tenha uma melhora na absorção do impacto”, cita o médico ao comparar a situação com a troca de um sapato antigo com um novo, mais macio e confortável.

Dr. Eduardo ressalta que cada tratamento possui uma particularidade e cada caso é avaliado de maneira diferente. Para isso, é realizada uma série de exames clínicos, laboratoriais e de imagem, para chegar ao procedimento mais correto. “Realizamos os exames físicos, para conhecer o histórico do paciente, os exames radiológicos, como raio-X e ressonância, além de exames laboratoriais.”

Na Freire Vieira Medicina e Odontologia, todos os procedimentos de medicina regenerativa são guiados por ultrassom, o que aumenta a precisão na aplicação das substâncias.

Dores crônicas: é possível evitar?

Para quem lida com dores causadas por inflamações articulares, Dr. Eduardo Vieira destaca que a alimentação está totalmente relacionada com os cuidados. “Alguns alimentos são mais inflamatórios, como o glúten e o açúcar. Para algumas pessoas que são mais sensíveis aos laticínios, é recomendado diminuir ou evitar produtos derivados do leite. São formas de prevenção e auxiliam no tratamento dessas dores crônicas”, completa Dr. Eduardo.

Freire Vieira Medicina e Odontologia

Especialidades

  • Ortopedia
  • Odontologia
  • Ginecologista
  • Oftalmologia
  • Dermatologista
  • Nutricionista
  • Angiologia/Vascular
  • Cirurgia Plástica
  • Cardiologista

Endereço: Avenida Camilo Gianordoli, 155 – Muquiçaba |Guarapari

WhatsApp: (27) 99627-7409 | Telefone: (27) 3125-1331
Instagram: @freire.vieira

Instagram: @dr.eduardoevieira

Anúncio

Veja também

image-5

Ação ambiental ensina a transformar restos de alimentos em adubo

Iniciativa é parte do projeto Xapuri, que tem como um dos pilares a conscientização ambiental

WhatsApp-Image-2024-02-20-at-08.59.32-1

Em busca de uma vaga nas Paralimpíadas, nadador de Guarapari compete na Austrália

Anúncio
image-1 (1)

Jovens do CRJ de Guarapari conquistam vagas em Universidades Federais e no IFES

image (59)

Atrium Verona: Aguiar de Paula entrega novo empreendimento no centro de Guarapari

Projeto Odonto Alegria da Creche Alegria

Jogos de Verão distribuem prêmios e doações em dinheiro

Além das disputas esportivas, uma feira de adoção encontrou novo lar para 10 animais entre cães e gatos

carnavala mais capa

Sorteio vai dar pares de ingressos para o Carnaval do Multiplace Mais em Guarapari; participe!

A folia da casa de shows será de três dias, com programação que privilegia artistas locais