Anúncio

Cineasta de Guarapari é homenageado em festival internacional de cinema

A obra cinematográfica "O Cemitério das Almas Perdidas", de Rodrigo Aragão, abriu a 10ª edição do Festival Cinefantasy

por Redação Revista Sou

Publicado em 11 de setembro de 2020 às 17:45
Atualizado em 11 de setembro de 2020 às 17:45
Anúncio

A obra cinematográfica “O Cemitério das Almas Perdidas”, de Rodrigo Aragão, abriu a 10ª edição do Cinefantasy, festival internacional de cinema fantástico. Este é o sexto longa-metragem do cineasta guarapariense, que é homenageado pelo festival, por meio de uma retrospectiva.

Com 134 minutos de duração, o longa-metragem “O Cemitério das Almas Perdidas” conta a história de um grupo de jesuítas e bandeirantes que, após trazer o livro de São Cipriano para o Brasil, acabam sofrendo uma maldição. “Eles são amaldiçoados e suas almas são condenadas a permanecer em um cemitério pela eternidade. Daí vem o nome do filme”, explica Rodrigo Aragão.

O Cemitério das Almas Perdidas. Foto: Reprodução

O cineasta conta que o filme exigiu cinco anos de empenho e trata-se do primeiro projeto desenvolvido com o apoio da Secult e Ancine, após um longo período de produção independente. “O orçamento do projeto foi R$2,1 milhões. R$1 milhão conseguimos através de um edital da Secretaria de Estado da Cultura, Secult, e R$1,1 milhão por meio da Ancine”.

“Nós fizemos oficinas de maquiagem, cenografia e atuação para selecionar os melhores alunos para fazerem parte do projeto. A produção envolveu uma equipe de aproximadamente 200 pessoas. A maior parte da equipe é do Espírito Santo e essa foi uma preocupação, descobrir talentos daqui”, afirma Rodrigo.

Foto: Divulgação

“O filme foi totalmente rodado em Guarapari. 80% dele foi gravado dentro de estúdio e o restante foi em uma locação em Praia Doce”, conta o cineasta. Na construção do cenário, foram dedicados cinco meses de trabalho, a fim de lhe conferir a riqueza de detalhes esperada do especialista em efeitos especiais.

De acordo com o diretor e roteirista da obra, após a estreia, no Cinefantasy, no dia 07 de setembro, o filme ficou temporariamente disponível na plataforma Belas Artes À La Carte e, devido ao sucesso com o público, deve ser disponibilizado novamente no domingo (13), das 12h às 00h. “Agora, ele participará de circuitos nacionais e internacionais, que estão sendo realizados online, devido à pandemia. Mas eu espero, em breve, ter a chance de exibi-lo no Espírito Santo”, finaliza Rodrigo Aragão.

O longa envolveu uma equipe de aproximadamente 200 pessoas, sendo a maioria dos envolvidos capixabas. Foto: Reprodução

Para conferir essa e outras obras do cineasta, que está tendo sua carreira homenageada por meio de uma retrospectiva, acesse https://www.belasartesalacarte.com.br/ , onde os longa-metragens estarão disponíveis para exibição on-line.

Assista ao trailer:

*por Nicolly Credi-Dio, para o folhaonline.es

Tags:

Anúncio

Veja também

man-and-woman-working-out-together-at-the-gym

Hipertrofia: ganho de peso saudável também requer determinação e paciência

Bacalhau-Brisamare-Risa

Cardápio solidário: restaurante de Guarapari fará doação ao Recanto dos Idosos

Anúncio
HM-Comunicacao

“Somos HM Comunicação”; com duas décadas de atuação, agência apresenta novidades

as-sinais-de-autismo_15864_l

Abril Azul: identificação precoce de sinais é fundamental para sucesso no tratamento do autismo

Black woman take care of her beautiful skin. Young african woman applying moisturizer on her face while standing in front of the mirror. Smiling black natural girl holding little jar of skin lotion in bathroom for beauty treatment routine.

Como está sua rotina de skincare? Especialista dá as dicas

My preparing for active day

Com orientação profissional, suplementação alimentar é aliada do corpo saudável