Anúncio

Cabelos no verão: cuidados e cortes; as pedidas da estação

por Redação Revista Sou

Publicado em 24 de dezembro de 2020 às 09:00
Atualizado em 24 de dezembro de 2020 às 09:03
Anúncio
Cabelos mais longos e em camadas: tendência do verão. Fotos: Divulgação

Sol, calor, praia, piscina; não há dúvidas que o verão é a estação mais esperada para quem gosta de curtir tudo isso. Mas, sem cuidados, o cabelo pode ficar muito mais fragilizado. Por isso, é preciso investir em uma rotina de cuidados.

O excesso de sol, a água salgada do mar e o cloro da piscina acabam gerando muitos danos aos cabelos no verão. Isso acontece, porque os fios tendem a desidratar e, consequentemente, tornam-se mais opacos, quebradiços e porosos.

Leandro ressalta que o protetor térmico é fundamental para proteger os fios.

Para cuidar do cabelo no verão e ter fios mais saudáveis, o cabelereiro Leandro Martins dá algumas dicas valiosas para manter o cabelo bonito e promover o crescimento saudável durante os meses mais quentes do ano. “Usar protetor térmico antes de se expor ao sol. Ele serve para selar a cutícula do cabelo protegendo da água de sal e o cloro da piscina; ao sair da água, lavar sempre os cabelos com água potável para retirar o excesso do cloro ou do sal”, aconselhou.

Além disso, o especialista ainda sugere evitar o uso de água quente para lavar os cabelos e deixar os fios soltos para que sequem naturalmente. “Dê um tempo no secador, use somente quando for realmente necessário. Prender o cabelo ainda úmido também pode arrebentar os fios, deixá-los opacos”. Outro passo que o cabeleireiro destaca como importante é fazer hidratação e restauração dos fios após um dia de exposição intensa, principalmente.

Cortes

Antes de depois.

Antes mesmo desse clima de ano novo já circulavam na web várias tendências de cortes com a promessa de ‘bombar’ no verão. Para Leandro, duas tendências para os cortes femininos estão fortes: a que valoriza o volume dos cabelos, como as ondas e repicados; e a linha oposta, com cortes bem retos e muito alinhados. “Os cortes curtos ainda vão ficar em alta, porém, a ideia de 2021 é que o cabelo seja abaixo do busto com leves camadas e repicados”, acrescentou.

Para quem tem cabelos crespos ou cacheados, a tendência é o volume e as camadas. Para uma proporção equilibrada, o ideal é também conferir volume a ela. “Não precisa de um corte diferente e sim valorizar o volume, além de tirar as pontinhas”, explicou.

O profissional ainda ressaltou que cortar o cabelo a cada três ou de quatro meses é essencial; é o tempo que o cabelo cresce. “Sempre tirar no máximo dois dedinhos, nem mais nem menos é a quantidade máxima para perceber uma diferença no corte”.

*Texto: Alice Mourão

Anúncio

Veja também

Costela-com-barbecue

Costela suína ao molho barbecue

Korpus-2020 filme

Filme descortina Guarapari e celebra 30 anos de escola de dança

Anúncio
Portrait beautiful young asian woman happy smile with floating breakfast in tray on swimming pool

Cinco doenças comuns no verão que você pode evitar

Com cuidados básicos é possível se prevenir contra doenças como intoxicação alimentar, conjuntivite, otite, micose e dengue

marcos-massoterapeuta

Duas mãos pelo seu bem-estar geral

Sabores-Espaco-Buffet-5

Sabores e estrutura alinhados

Montagem - Toninha - Helaine - Adriana (capa)

Máscaras faciais: proteção e ferramenta para superar a crise