Anúncio

Atividade física: uma aliada contra a depressão

por Carolina Brasil

Publicado em 23 de fevereiro de 2021 às 11:29
Atualizado em 23 de fevereiro de 2021 às 11:30
Anúncio
Alba Sampaio | @albasampaiopsico (27) 99962-6162

Difícil falar em saúde, prevenção ou cura de doenças, sem incluir a atividade física como aliada e até ponto fundamental no processo para obtenção de resultados positivos. Com a depressão, uma das doenças que mais afeta a população mundial, não é diferente. 

A depressão se caracteriza por uma doença psiquiátrica que atinge o corpo como um todo, impactando nos aspectos físicos e psicológicos do indivíduo, alterando a forma dele ver o mundo, de sentir, causando, em geral, tristeza, insegurança, culpa, pessimismo e desânimo; a alimentação, o sono e a vontade para atividades cotidianas ficam, muitas vezes, alterados. 

Diante de um quadro depressivo, o combo psicoterapia, medicação, apoio familiar e exercício físico é o importante para reverter a condição. Para a psicóloga Alba Sampaio, a atividade física, em especial, ajuda de diversas formas. “A atividade física é imprescindível para ajudar a pessoa com depressão; primeiro porque é movimento, e a pessoa precisa se ‘movimentar’ para sair de uma certa inércia que a depressão provoca. Fazer atividade física libera endorfina, que promove bem-estar; produz substâncias químicas naturais do cérebro, que dão ânimo; e é um momento para livrar a mente das preocupações, para que a pessoa possa sair do ciclo vicioso que a doença promove”, destacou. 

Alba ainda lembrou de outras vantagens da atividade física, como estimular autoconfiança, especialmente quando as metas do exercício são alcançadas; aumento da autoestima; e desenvolvimento da interação social, que é de extrema importância para sair do estado depressivo.

Maria Luiza Lino de Macedo, comerciante

A comerciante Maria Luiza Lino de Macedo conhece bem os benefícios da atividade física frente à depressão. “A depressão chegou no final de 2017 e travei uma luta difícil contra ela por dois anos e meio; foram muitas consequências, eu não queria fazer nada, tive TOC, síndrome do pânico, ganhei peso… Precisei de muita coragem, apoio familiar e muita fé em Deus, para dizer a mim mesma: “ou faço alguma coisa por mim ou vou morrer”. Eu já fazia uso de medicamentos, acompanhamento médico, mas ainda não era o suficiente; foi quando decidi começar a caminhar na praia. Da caminhada, passei ao treinamento funcional e até correr, agreguei também a ajuda de uma nutricionista, além do profissional de Educação Física, me livrei da doença e perdi 20kg; não há dúvidas do quanto a atividade física foi fundamental nesse processo. E melhor, tudo isso me trouxe de volta o desejo de fazer as coisas e empreender. A Mallumi Fitness é a realização de um sonho!”, contou a empreendedora que, recentemente, inaugurou uma loja de roupas de ginástica no centro de Guarapari.

O que dizem os profissionais de Educação Física

Quais os benefícios da atividade física no combate à depressão?

Mariana Fernandes 
Personal Trainer CREF: 00834G/ES | @profmarifernandes | (27) 99896-9885 

“As pesquisas demonstram que a prática de exercícios regulares, além dos benefícios fisiológicos, acarreta também em vários benefícios psicológicos, tais como: melhora do humor, aumento da autoestima, redução do stress, da ansiedade, da tensão e da própria depressão. A prática regular e sistematizada de exercícios estimula o organismo a produzir endorfina, responsável por causar sensação de prazer e bem-estar. O segredo está na escolha certa de uma atividade que seja agradável, funcional e adequada, optando por uma modalidade na qual a pessoa se sinta bem e que realmente goste, para evitar o desânimo e a frustração. É essencial transformar o treino diário num ato de prazer e aproveitar ao máximo as boas sensações que a prática pode proporcionar, tentando equilibrar os três pilares principais: físico, mental e emocional.” – Mariana Fernandes 

Qual a melhor atividade para os jovens em tratamento contra depressão?

Mariana Garcia 
Personal Trainer CREF: 011089-G/ES | @marigarcia.personal | (27) 99808-5257 

“Em uma palavra, qual sentimento te descreve logo após a prática de atividade física? Bem provavelmente, o termo “feliz” será um dos campeões. E não é por acaso; pois, ao movimentar o corpo, você libera substâncias que são capazes de melhorar o seu bem-estar. A depressão, quando acomete os jovens, em especial, logo se torna um problema, o sintoma fica desproporcional e passa a comprometer as relações dele na vida social e familiar. É nesse contexto, que a atividade física surge como uma alternativa para a saúde física e mental. É muito importante uma avaliação em cada caso, mas o essencial é transformar o treino diário num ato de prazer. Por isso, no caso de adolescentes e crianças, é importante que a atividade seja correspondente à idade e ao desejo desse jovem, que ele realmente goste; isso evita a frustração, um componente que pode prejudicar a melhora do quadro depressivo. Caminhadas, pequenas corridas, dança, natação e funcional ao ar livre, por exemplo, podem ser opções para a faixa etária mais jovem, lembrando que é preciso ter sempre o acompanhamento do profissional.”Mariana Garcia

Como o exercício ajuda a amenizar os sintomas da depressão?

George Henrique Carvalho 
Fisioterapeuta CREFITO-96543 | @georgehcarvalho | (27) 99811-2822  

“Todos estão sujeitos a desenvolver a depressão; porém, a prática de atividades física é muito importante para garantir tanto a saúde física quanto a mental. O Pilates, por exemplo, hoje em dia, é uma das alternativas mais eficientes e recomendadas; através da conexão dos princípios que priorizam a mente e o corpo, com movimentos e respirações conscientes, respeitando os limites e as condições físicas de cada um. Como consequência da prática do Pilates temos a liberação de endorfina e serotonina para o cérebro, maior aporte de oxigênio, relaxamento muscular e flexibilidade, desencadeando a elevação da autoestima e da autoconfiança, maior sensação de prazer e de bem-estar, diminuição do quadro de ansiedade entre outros benefícios. O praticante restaura a crença em si mesmo, interrompendo o ciclo negativo e de autossabotagem provocado pela depressão.”George Henrique Carvalho

Anúncio

Veja também

man-and-woman-working-out-together-at-the-gym

Hipertrofia: ganho de peso saudável também requer determinação e paciência

Bacalhau-Brisamare-Risa

Cardápio solidário: restaurante de Guarapari fará doação ao Recanto dos Idosos

Anúncio
HM-Comunicacao

“Somos HM Comunicação”; com duas décadas de atuação, agência apresenta novidades

as-sinais-de-autismo_15864_l

Abril Azul: identificação precoce de sinais é fundamental para sucesso no tratamento do autismo

Black woman take care of her beautiful skin. Young african woman applying moisturizer on her face while standing in front of the mirror. Smiling black natural girl holding little jar of skin lotion in bathroom for beauty treatment routine.

Como está sua rotina de skincare? Especialista dá as dicas

My preparing for active day

Com orientação profissional, suplementação alimentar é aliada do corpo saudável